Entenda as regras de bagagem em voo internacional

Se você acredita que a parte mais trabalhosa de uma viagem é escolher o destino e como se localizar na nova cidade, não se engane: a aventura começa na organização das malas. Além das dúvidas sobre qual tipo de roupa vestir e os acessórios essenciais para os dias de passeio, uma das principais preocupações dos viajantes é o despacho de bagagem em voo internacional.

Com as novas regras da ANAC em meados de 2017, a confusão aumentou e, principalmente, para os turistas de primeira viagem, tornou-se bastante complicado compreender todas as especificações. Este artigo, portanto, vai resumir tudo o que você deve saber sobre os limites de peso e quantidade de malas, além do que é permitido ser transportado em mãos ou no compartimento do avião.

Vamos começar as instruções pré-voo!

Limites de bagagem despachada por pessoa

A principal mudança da ANAC em relação ao despacho de bagagem está relacionada ao peso e quantidade por viajante em voos internacionais. De acordo com a agência reguladora, o objetivo desta mudança era diminuir o preço da passagem, ou seja, cada passageiro pagaria por seus pertences fora da franquia convencional.

As companhias internacionais seguem suas próprias regras e distinções. Confira abaixo as novas regras para as companhias aéreas brasileiras.

Avianca

Em voos para América Latina é liberada uma mala de até 23kg na classe econômica e duas peças de 23kg cada na classe executiva. Já para as partidas com destino aos Estados Unidos são permitidas duas malas de até 23kg cada na classe econômica e três malas de 32kg cada na classe executiva. ​

Azul

​​Para voos aos Estados Unidos e para a Europa é permitido levar três malas de 23kg na classe executiva e dois volumes de 23kg na classe econômica. Já para a América do Sul e Caiena é liberada uma bagagem de 23kg.

Gol

​​​​​​​​​​​A companhia cobrará por todas as bagagens despachadas em viagens internacionais. O peso máximo diminuiu para 23kg e custará US$10, quando previamente adquirido, ou US$20 quando requisitado na hora do check-in.

LATAM

Em direção à América Latina o passageiro tem direito ao despacho de uma bagagem de até 23kg. Já em outros voos internacionais a empresa permite duas bagagens de até 23kg.

Instruções sobre a bagagem de mão

Além da mala despachada, o viajante pode carregar uma bolsa ou mochila com objetos pessoais e de valor como documentos, dinheiro, eletrônicos, etc. A bagagem de mão não deve ultrapassar 115cm e 10kg para ser acomodada no compartimento acima da poltrona do avião ou sob o assento.

Para levar líquidos, creme, gel, pasta e aerosol na bagagem de mão são necessários alguns cuidados. Estas substâncias somente podem ser transportadas em frascos de até 100ml e colocadas em embalagem plástica transparente de, no máximo, 20cm x 20cm, com o total de um litro.

Cada passageiro só pode levar uma embalagem e deve apresentá-la na esteira de raio-x junto com os objetos eletrônicos. Caso qualquer produto ultrapasse as exigências, ele será detido no aeroporto.

O que nunca levar em voos internacionais

Por razões de segurança não é permitido qualquer tipo de arma ou réplica, objetos pontiagudos, cortantes ou que causem ferimentos como, por exemplo, tesouras e alicates de unha. Quaisquer substâncias tóxicas, químicas e explosivas que coloquem a integridade física de pessoas em risco, assim como a segurança do avião, são banidas de todos os tipos de bagagem.

Passado o transtorno de arrumar a mala e o despacho de bagagem em voo internacional, aproveite com segurança a sua viagem e fique atento para seguir as mesmas instruções no retorno para casa.

Se você ainda tem dúvida sobre o processo de documentação necessário para viagens ao exterior, veja também como tirar o visto para os Estados Unidos de modo prático e rápido!

Comentários

comments

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *